Quando devo trocar os elementos do sistema de escape? Dicas para detectar o seu desgaste

Quando devo trocar os elementos do sistema de escape? Dicas para detectar o seu desgaste

QUANDO MUDAR OS ELEMENTOS DO SISTEMA DE ESCAPE

Os elementos do sistema de escape são peças que é necessário substituir periodicamente, uma vez que apresentam fadiga ou deterioração no seu funcionamento.

Os elementos do sistema de escape podem deteriorar-se devido a:
  • Utilização frequente do veículo.
  • Pancadas de pedras, amolgadelas ou marcas dos rebordos dos passeios.
  • Gases de combustão.
  • Idade do veículo: Quanto mais antigo, mais rapidamente se deteriora o sistema de escape.
  • Variações térmicas e humidade do ambiente.
  • Atmosferas especialmente salinas ou agressivas. Proximidade da costa ou de indústrias químicas.

CONTROLO DA LINHA DE ESCAPE NA IPO

Durante a Inspecção Periódica Obrigatória, é feita a revisão do estado de todos os elementos do sistema de escape, assim como o nível dos fumos gerados pelo motor. Certifique-se que cumpre os mínimos legais antes de fazer a inspecção do seu veículo para evitar faltas que obriguem a ter que repetir a inspecção.

SINTOMAS DO SISTEMA DE ESCAPE

O desgaste do sistema de escape de um veículo identifica-se pelos seguintes sintomas:

Vibrações ou ruídos de pancadas: Indicam que algum elemento do sistema de escape está danificado.
Som grave, como o dos veículos de corridas: Indica que existe uma rotura ou fissura na linha de escape.
Sons como de areia na parte de baixo: Indicam deterioração interior de algum elemento da linha de escape.
Perda de potência: Indica o bloqueio do elemento catalisador.